NOVIDADES

8 dicas para criar uma boa embalagem

Criar uma boa embalagem pode parecer fácil. Mas na hora que colocamos no papel todas as diretrizes que precisamos seguir para alcançar o sucesso, percebemos que não é tão simples assim. A boa notícia, é que com algumas dicas, é possível passar por todo esse processo de forma prática, fácil e o melhor, planejada. Quer saber como criar uma boa embalagem em 8 dicas? Continue com a gente e saiba mais!

Como fazer uma boa embalagem de produto?

  1. Faça uma imersão profunda na sua marca e elabore um bom briefing do produto. Ele deve conter todas as informações sobre características, funcionalidades, objetivos, público-alvo, entre outras coisas.

  2. Priorize a personalidade da marca por meio de uma identidade visual. Seja criativo, original e verdadeiro para se destacar da concorrência. Para isso, é importante buscar ajuda de um designer profissional.

  3. Defina qual a categoria do seu produto, cada uma tem códigos visuais diferentes que representam determinado nicho. O código errado acarretará falsas interpretações e prejudicará as vendas.

Criação de embalagens: 6 erros que a sua empresa não pode cometer

  1. Para a eficiência do processo de criação da embalagem, reúna a sua equipe de marketing, agência de design, fornecedor da embalagem e toda a cadeia de produção para ajudar nesse processo.

  2. Invista em embalagens inteligentes para surpreender o consumidor. Hoje, é possível usar recursos da tecnologia para agregar mais valor ao produto. Converse com o fornecedor de embalagens para conhecer as opções.

  3. Caso seja útil para o projeto, invista em embalagens de aço. O consumidor adora poder reutilizar e colecionar itens, e contar com uma embalagem que pode suprir essas necessidades é uma ideia bem-vinda.

  4. Para valorizar ainda mais a sua embalagem, agregue conteúdo digital. Você poderá disponibilizar um QR Code que, ao ser escaneado no celular, levará o consumidor a assistir um vídeo com dicas sobre o produto.

Como a embalagem pode se tornar o seu diferencial

  1. Por fim, obedeça às regras previstas por lei que devem estar na embalagem, de acordo com o tipo do produto. Geralmente, são informações como quantidade em unidades, peso, validade, fórmula química, quem deve usar, como deve ser armazenado, entre outros.

Percebeu como a identidade da marca tem uma conexão muito forte com a embalagem? Existem muitas estratégias de marketing capazes de fazer você se diferenciar da concorrência, mas a roupa que o seu produto está vestindo é a mais importante de todas!

Ficou com alguma dúvida, ou quer entender um pouco mais do que podemos fazer pelo seu negócio? Entre em contato e vamos bater um papo. Será um prazer ajudar a sua marca!

Fonte: Associação Brasileira de Automação